ARTIGOS MAIS LIDOS:
Daqui em diante, você encontrará muitos outros artigos sobre psicologia. A finalidade da Psicoterapia é entender o que está ocorrendo com o cliente, para ajudá-lo a viver melhor, sem sofrimentos emocionais, afetivos ou mentais. Aqui você encontrará respostas sobre a PSICOTERAPIA - para que serve e por que todos deveriam fazê-la. Enfim, você encontrará nesses artigos,informações sobre A PSICOLOGIA DO COTIDIANO DE NOSSAS VIDAS.

MANTENHA O SEU CASAMENTO FELIZ – DICAS


Apesar de toda a felicidade que muitos casais ​​desfrutam, infelizmente, para muitos, o casamento nem sempre é duradouro, constatando-se que número de divórcios aumenta a cada ano. Continue a leitura após a imagem e pense sobre o seu próprio relacionamento!

A decisão de se casar é uma das maiores decisões que qualquer ser humano toma durante a sua vida. O ideal seria que houvesse, sempre, um “durante” e um “final” felizes! Pode um casamente ter satisfações e felicidade ao longo da vida?
Claro que sim! Os cônjuges tendem a ver os parceiros sob diferentes perspectivas, às vezes achando que o melhor do outro está na maneira como ele balança os cabelos ou observando o seu comportamento de modo geral, e isso faz despertar sentimentos e emoções positivas no casal. No entanto, assim que um dos dois comete um erro, a (péssima) tendência é a apontar o dedo contra a pessoa – que chato!
A fim de manter a felicidade no relacionamento, é bom que ambos estejam cientes dos desafios conjugais. A experiência mostra que os casais mais felizes são sempre aqueles que não dão muito peso aos erros do outro, lidando com a situação com a naturalidade de quem também comete erros. Importante: os melhores casamentos são os que estão baseados em amizades íntimas e concretas. De fato, se você considera seu cônjuge como seu amigo íntimo (não gosto da palavra “cúmplice” nesse caso), tanto no nível emocional quanto no intelectual, é mais provável que você "conserte" eventuais problemas de relacionamento com muita facilidade.
Para manter um relacionamento saudável e feliz, você não precisa fazer coisas extraordinárias como a maioria das pessoas imaginam que deve ser, mas simplesmente prestar atenção às suas intenções e desejos. A gratidão e a apreciação, mesmo frente ao menor ato que um faz pelo outro, representam um mundo de diferença.
A felicidade é obtida quando os cônjuges sempre encontram tempo um para o outro, mesmo que esse tempo seja apenas de meia hora por dia. Torne-se empático e desenvolva suas habilidades para ouvir o outro, eliminando maus hábitos como críticas, desprezo e ironias. Isso, com certeza, impactará imensa e positivamente no relacionamento do casal.
Muita independência um do outro pode ser um causador de rupturas do casamento. Por outro lado, muita dependência também não é bom. Encontre um equilíbrio entre ser o parceiro de alguém e ter tempo suficiente para relaxar e descansar o seu próprio corpo e sua mente. É igualmente importante manter as redes de relacionamentos sociais, seja em clubes, visitas e encontros com amigos, praia, etc. Assegurar tempo para uma vida social e para cuidar de si mesmo é fundamental para viver para a autoestima e para criar um relacionamento florescente.
Melhor fazer isso entre o casal, mas se for difícil, um psicoterapeuta de casal favorecerá que ambos reconheçam as forças e virtudes mútuas bem como o aprendizado de respostas às crises com amor e perdão, para assim haver a construção de relacionamentos saudáveis. Se você deseja alcançar um objetivo na vida, precisa “trabalhar” nisso, logo estar aberto para aprender novas habilidades e mecanismos de enfrentamento é muito útil.
E agora? O que você pode fazer hoje a favor da felicidade em seu casamento?
Praticar o diálogo: embora existam várias dicas que ajudam a manter um casamento feliz, falar é definitivamente um deles. É fundamentalmente importante expressar e compartilhar os seus sentimentos. Discuta, converse e respeite o debate com o seu parceiro, assim os sentimentos podem ser compartilhados e lições internas podem ser aprendidas. Fale sobre tudo, desde seus medos mais profundos até suas maiores alegrias.
Não tente manter o controle: o controle de comportamentos é prejudicial para os relacionamentos harmoniosos, portanto viver uma vida feliz significa desfrutá-la em conjunto, não apenas completando sua rotina diária em tempo “hábil”.
Seja carinhoso e romântico: mostre ao seu parceiro que ele é essencial em sua vida. Isso também implica em levar o sexo a sério - o sexo é “sagrado” e a responsabilidade é de vocês dois. Use uma comunicação gentil, não-violenta e sempre respeite os pensamentos e sentimentos de seu parceiro quando se trata de discutir sobre a vida sexual.
Cuide da sua aparência: sim, eu sei que você já ouviu muitas vezes que precisamos amar e respeitar os outros independentemente da aparência física, mas o seu cônjuge seguramente adora ver você em boa forma. Cuide-se (aparência e saúde), e mantenha-se em forma e saudável.
Por último e talvez mais importante: você não pode mudar seu parceiro. Respeite e ame seu cônjuge inclusive por todas as suas falhas e peculiaridades especiais. Aceite as mudanças que podem acontecer em seu casamento e lembre-se de que as pessoas evoluem e mudam. Então, um casal deve dedicar um tempo para aprender sobre os pensamentos, sentimentos, desejos e intenções de ambos.
Concluindo, gostaria de dizer que, em minha opinião, o melhor relacionamento é aquele que é honesto e íntimo. Um relacionamento no qual um pode ficar perto um do outro e falar sobre qualquer coisa, e que tudo o que é realizado deixa os cônjuges sentindo-se mais fortes e apoiados.
Abração e cuide do seu casamento!
Espero que o artigo lhe seja útil. Há vários outros artigos no Blog do Psicólogo (www.blogdopsicologo.com.br) que podem ser interessantes para o seu momento de vida! CLIQUE AQUI e leia sobre o que a psicoterapia pode fazer para que você seja feliz.
Você pode me “seguir” pelo Blog, Um Instagram (paulocesarpsi) ou pelo Facebook (@psicologopaulocesar) e ler gratuitamente artigos sobre a Psicologia Humana.
Compartilhe com seus amigos!
Um abraço,

Psicólogo Paulo Cesar
Psicoterapeuta de adolescentes, adultos, casais e gestantes.
Psicólogo de linha humanista com acentuada orientação junguiana e budista.
Palestrante sobre temas ligados ao comportamento humano no ambiente social e empresarial.
Consultório próximo ao Shopping Metrô Santa Cruz. Atendimento de segunda-feira aos sábados. Marcação de consultas pelo tel. 11.94111-3637, pelo whatsapp 11.98199-5612 ou pelo email Paulo cesar@psicologopaulocesar.com.br.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário